Como conquistar o público nas apresentações

Fazer uma apresentação, seja ela presencial ou online exige da oradora ou do orador, conquistar o público e o direito de falar. Por isso, vamos ensinar como você pode começar sua apresentação e prender a atenção de quem te ouve.

  • Predisponha sua mente ao sucesso

O primeiro passo para enfrentar o nervosismo é reservar alguns minutos para você falar consigo mesmo. Comece esse diálogo interno com uma respiração consciente que lhe fará enxergar os fatos com naturalidade, sem as estratégias de uma mente nervosa e descompassada. Fortaleça suas convicções positivas. Lembre-se: você se preparou, conhece o assunto e acredite, as pessoas estão ali apara ouvir o que você tem a dizer e não para criticá-lo.

Ao iniciar a apresentação, procure se conectar com as pessoas. Conte uma boa história para começar, para descontrair o público e ir trabalhando a sua ansiedade.

Falar em público é ter boa conversa com a plateia. Uma conversa animada.

Conte uma experiência positiva ao abordar o tema, coloque firmeza na voz, fale com uma pausa maior que num diálogo e seja alegre, sorria! Conhecimento e emoção cativam o público.

Dale Carnagie, em seu livro “Como falar em público e influenciar pessoas no mundo dos negócios” enfatiza a importância de se colocar detalhes na conversa, personalizar palavras, dar nomes aos exemplos a serem citados e dramatizar a fala pelo emprego do diálogo.

  • Aja com naturalidade

Essa é a chave mestra para BOA COMUNICAÇÃO. A simplicidade para falar em público com entusiasmo e desembaraço.

  • Tenha um roteiro em mãos

Faça um roteiro com os temas a serem abordados, com pequenas anotações. Palavras que irão fazer você desenrolar uma linha de pensamento. Números, datas e cifras que precisam ser decorados. Esse roteiro servirá como apoio caso você seja visitado pelo famoso “deu branco”.

  • Seja bem-humorado

O bom humor nada tem a ver com vulgaridade. Esteja alerta para não passar dos limites. Humor que aborde etnia, religião, sexualidade deve ser eliminado. As brincadeiras que possam constranger as pessoas também devem ser abolidas.

As histórias curtas e usar as pessoas no ambiente fazem o clima ficar mais descontraído.  

  • Fale com emoção

Vitalidade, vivacidade, entusiasmo, palavra que vem do grego e significa “Deus interior” são combustíveis para vencer as adversidades. O entusiasta contagia as pessoas, convence até sem ser um orador eloquente.

Apaixone-se por uma causa, uma ideia e verás o entusiasmo ganhar vida e se materializar.

Atrair a atenção da plateia é o objetivo de todo orador. Uma técnica infalível e ensinada por todos os mestres no assunto é empregar palavras que criam imagens.

Na obra The elements of style, William Strunk Jr, diz: “ Todos aqueles que estudaram a arte de escrever estão de acordo em um ponto, a saber: a maneira mais segura de despertar a atenção do leitor é ser específico, definido, concreto. Os maiores escritores, Homero, Dante, Shakespeare, impressionaram grandemente porque tratam de particularidades e relatam detalhes que verdadeiramente importam. Suas palavras formam imagens”.

  • Tenha começo, meio e fim

Guarde essa regrinha simples e muito útil para organizar uma apresentação: Anuncie o que vai falar, fale e conte sobre o que falou.

-Evite vícios de linguagem. Tá, né, percebe, é isso aí, tipo…

-Evite termos técnicos

-Evite Perder-se em detalhes

  • Tenha uma postura correta

– Evite os excessos, inclusive das regras que orientam sobre postura.

– Evite apoiar-se apenas sobre uma das pernas e procure não deixá-las muito abertas ou fechadas.

– Procure falar olhando para todas as pessoas da plateia.

-Evite colocar as mãos no bolso

  • Prepare-se para falar

Se tiver de falar 15 minutos, saiba o suficiente para discorrer pelo menos 30 minutos.

  • Use recursos audiovisuais

Mensagem apresentada apenas verbalmente, depois de três dias os ouvintes irão se lembrar de 10% do que falou. Se, entretanto, expuser o assunto verbalmente, mas com auxílio de um recurso visual, depois do mesmo período, as pessoas se lembrarão de 65% do que foi transmitido.

Fechar Menu

Olá! Clique aqui e fale com a Dani Amorim

Estou no WhatsApp